Porque os Peritos em Segurança estão a Recomendar a Remoção do QuickTime o Quanto Antes

0

Firmas de segurança informática e o governo dos Estados Unidos estão a recomendar que todos os utilizadores do Windows desinstalem o QuickTime, depois de especialistas em ciber-segurança terem encontrado dois bugs que podem deixar os utilizadores vulneráveis a vírus ou atacantes remotos.

A notícia surgiu quando a firma de segurança informática Trend Micro publicou a declaração na Quinta-feira 14 de Abril que dizia: “Estamos a avisar toda a gente que devem seguir a orientação da Apple e desinstalar o QuickTime do Windows tão rápido quanto possível”.

“A única forma de proteger os seus sistemas Windows de potenciais ataques utilizando estas ou outras vulnerabilidades no Apple QuickTime de momento é desinstala-lo”.

É importante notar que o aviso não se aplica aos utilizadores da Apple.

O QuickTime é um software popular desenvolvido pela Apple que permite aos utilizadores reproduzir ficheiros multimédia com vídeos, imagens e áudio. A Apple parou de produzir actualizações para o QuickTime para utilizadores do Windows. Isto significa que os utilizadores do Windows irão agora ficar vulneráveis permanentemente, pois a Apple não irá criar actualizações de segurança para resolver o problema.

O Equipa de Estado de Prontidão para Emergências Informáticas do Departamento de Segurança Interna dos Estados Unidos também emitiu um alerta de segurança na quinta, que dizia: “As potenciais consequências negativas incluem perda de confidencialidade, integridade ou perda de dados, como também danos aos recursos de sistema ou recursos de negócio. A única solução disponível é remover o QuickTime do Windows”.

No entanto, não tema – o conjunto de programas recentes para interacção multimédia para o Windows não inclui o QuickTime já. Em vez disso, a maior parte consegue reproduzir os ficheiros multimédia directamente ou através de suporte multimédia integrado no Windows. Isto inclui o iTunes 10.5 e mais recentes.

Dito isto, mesmo que não se recorde de ter transferido o programa, continua a existir a possibilidade de estar presente no seu computador através da instalação de outro software, tais como versões mais antigas do iTunes. Portanto, é melhor avisar a sua avó das tecnologias.

Para mais informações acerca de detalhes técnicos dos bugs visite o site da Trend Micro. Poderá também ver como remover o QuickTime do Windows aqui.

[IFLScience]

Leave A Reply