O sexto sentido do ser humano

0

Alguma vez sentiu que algo o observa? Se já teve esta sensação, saiba que não é de certo o único. Um estudo desenvolvido revelou que 94% das pessoas já experimentaram a sensação de estarem a ser observadas em algum momento da sua vida. Para os investigadores, essa sensação tem uma explicação cientifica.

Este estudo recente revela que a mente humana, mais precisamente, o cérebro, tem um mecanismo inato que detecta e desloca os nossos focos de atenção. Os recém-nascidos, por exemplo, olham para os rostos com um olhar directo, como resultado de uma resposta fisiológica e psicológica.

Os olhos dos seres humanos são muito diferentes dos olhos de outras espécies. A área branca dos nossos olhos faz com que estes sejam mais fáceis de serem detectados. Já os olhos mais escuros, de outros animais, são como uma arma para afastar predadores.

O olhar humano é optimizado para a detecção do mundo em seu redor. Assim, é mais fácil determinar se alguém está a observar-nos. Além disso, existem outras pistas que podem indicar-nos se alguém nos observa, tudo isso é possível graças à nossa visão periférica e também à posição ou movimento da nossa cabeça.

Mesmo quando as pessoas estão a usar óculos escuros, é possível perceber se estas nos observam, apenas fazendo uma simples e rápida leitura da sua postura corporal. De acordo com o Dr. Harriet Dempsey-Jones, investigador em Neurociências Clínicas, do Departamento de Neurociências da Universidade de Oxford, os seres humanos vivem um efeito de detecção paranormal do olhar, que acontece quando actuamos como observadores. Existe ainda um mecanismo inconsciente, que nos leva a sentir os olhares alheios.

Se sente que está a ser observado e se vira para verificar, o observador no seu campo de visão, pode reparar que vai olhar, dando-lhe assim tempo de mudar a direcção do contacto visual.

Os padrões de observação dos seres humanos são bastante interessantes, por exemplo, as pessoas autistas, passam menos tempo a fixar os seus olhos nos dos outros. Enquanto que as pessoas socialmente ansiosas, fixam mais os olhos do que aqueles com baixa ansiedade.

Ao que tudo indica, a visão humana é mais complexa e surpreendente do que imaginamos e, talvez, este seja o sentido mais apurado dos seres humanos. Pode até mesmo ser o principal responsável por nos permitir ter acesso a este sexto sentido, algo especial, misterioso e profundo.

Leave A Reply