O que realmente funciona para manter afastado o coronavírus?

0

A Organização Mundial da Saúde declarou que o COVID-19, a doença causada pelo novo coronavírus, tem uma taxa de mortalidade mais alta que a gripe. Em 4 de Março de 2020, nove mortes foram relatadas nos EUA.

Brian Labus, professor de saúde pública, fornece informações essenciais de segurança para você, desde desinfectantes até armazenamento de alimentos e suprimentos.

O que posso fazer para evitar a infecção?

Quando as pessoas estão doentes com uma doença respiratória como o COVID-19, tossem ou espirram partículas no ar. Se alguém tossir perto de si, o vírus poderá pousar facilmente em seus olhos, nariz ou boca. Essas partículas viajam apenas cerca de 1,8 metros e caem do ar rapidamente.

No entanto, pousam em superfícies que nós tocamos a toda a hora, como grades, maçanetas, botões de elevador ou postes de metro. A pessoa comum também toca no rosto 23 vezes por hora, e cerca de metade desses toques são na boca, olhos e nariz, que são as superfícies mucosas que o vírus COVID-19 infecta.

Nós, profissionais de saúde pública, não podemos enfatizar o suficiente: lavar as mãos adequadamente é a melhor coisa que você pode fazer para se proteger de várias doenças, incluindo o COVID-19. Embora a lavagem das mãos seja preferida, os desinfectantes para as mãos com pelo menos uma concentração de álcool de 60% podem ser uma alternativa eficaz para sempre usar água e sabão, mas apenas se as mãos não estiverem visivelmente sujas.

Não seria mais fácil limpar superfícies?

Na verdade não. Os especialistas em saúde pública não entendem completamente o papel que essas superfícies desempenham na transmissão de doenças e você ainda pode estar infectado por um vírus que pousou directamente em si.

Também não sabemos por quanto tempo o coronavírus que causa o COVID-19 pode sobreviver em superfícies sólidas, embora outros coronavírus possam sobreviver por até nove dias em superfícies sólidas, como grades de escadas.

A limpeza frequente pode remover o vírus se uma superfície tiver sido contaminada por uma pessoa doente, como quando alguém em sua casa está doente. Nessas situações, é importante usar um desinfectante que seja eficaz contra o vírus COVID-19.

Embora ainda não tenham sido testados produtos específicos contra o coronavírus COVID-19, existem muitos produtos eficazes contra a família geral de coronavírus. As recomendações de limpeza usando produtos “naturais” como o vinagre são populares nas redes sociais, mas não há evidências de que sejam eficazes contra o coronavírus.

Deve também utilizar estes produtos adequadamente, de acordo com as instruções, e isso normalmente significa manter a superfície molhada com o produto por um período de tempo, geralmente vários minutos. Simplesmente limpar a superfície com um produto geralmente não é suficiente para matar o vírus.

Em suma, não é possível limpar adequadamente todas as superfícies em que toca durante o dia, portanto, lavar as mãos ainda é sua melhor defesa contra o COVID-19.

Que tal usar máscaras?

Embora as pessoas tenham se voltado para máscaras como protecção contra o COVID-19, as máscaras geralmente fornecem nada mais que uma falsa sensação de segurança ao usuário. As máscaras que estavam amplamente disponíveis em farmácias, grandes caixas e lojas de artigos para casa – até que um público preocupado os comprasse todos – funcionam bem para filtrar partículas grandes como poeira.

O problema é que as partículas que carregam o vírus COVID-19 são pequenas e se movem facilmente através de máscaras contra poeira e máscaras cirúrgicas. Essas máscaras podem fornecer alguma protecção a outras pessoas se você a usar enquanto estiver doente – como tossir em um lenço de papel -, mas pouco fará para protegê-lo de outras pessoas doentes.

As máscaras N95, que filtram 95% das pequenas partículas contendo vírus, são usadas nos serviços de saúde para proteger médicos e enfermeiros da exposição a doenças respiratórias. Essas máscaras fornecem protecção somente se forem usadas correctamente.

Eles exigem testes especiais para garantir que eles ofereçam uma vedação ao redor do rosto e que o ar não vaze pelas laterais, derrotando o objectivo da máscara. As pessoas que usam a máscara também devem tomar medidas especiais ao removê-la para garantir que não estejam se contaminando com as partículas virais que a máscara filtrou.

Se não utilizr a máscara correctamente, não a remover adequadamente ou se colocar no bolso e a reutilizar mais tarde, mesmo a melhor máscara não será útil.

Devo armazenar alimentos e suprimentos?

Como etapa de preparação geral, você deve ter um suprimento de três dias de comida e água em caso de emergência. Isso ajuda a proteger contra interrupções no fornecimento de água ou durante quedas de energia.

Embora este seja um óptimo conselho de preparação geral, ele não ajuda durante um surto de doença. Não há razão para esperar que o COVID-19 cause o mesmo dano à nossa infra-estrutura que nós, americanos, veríamos após um terremoto, furacão ou tornado, portanto, você não deve planear da mesma maneira.

Embora você não queira ficar sem papel higiénico, não há razão para comprar 50 pacotes.

Fonte: ScienceAlert

Comment