Novos elementos na Tabela Periódica

0

A tabela periódica aumentou de número e tem agora quatro novos elementos. Nihonium, Moscovium, Tennessine e Oganesson, com os números de massa atómica 113, 115, 117 e 118, respectivamente, estes são os novos elementos químicos.

Estes nomes foram propostos em Janeiro e apresentados no passado mês de Junho deste ano, mas só desde o primeiro dia de Dezembro fazem oficialmente parte da sétima fila da tabela periódica. Os quatro novos elementos foram acrescentados à tabela periódica por cientistas japoneses, russos e norte-americanos.

Estes quatro novos elementos foram acordados pela União Internacional da Química Pura e Aplicada (IUPAC, na sigla em inglês) e foram aprovados pela comunidade internacional de cientistas. De acordo com as normas do organismo, os nomes dos elementos descobertos podem ser de conceitos ou personagens mitológicas, minerais ou substâncias semelhantes, sítios ou regiões geográficas, uma propriedade do elemento ou até mesmo de um cientista.

O Instituto Japonês de Investigação, Riken, celebrou a aprovação do elemento Nihonium, que faz referência à palavra Nihon, que significa “Japão” e tem como símbolo na tabela (Nh). A existência do Nihonium, o primeiro elemento colocado em evidência na Ásia, já havia sido demostrada em três circunstâncias, entre os anos de 2004 e 2012, por Kosuke Morita, professor da Universidade de Kyushu (sudoeste do Japão).

Além do Nihonium e do Moscovium (Mc), uma referência a Moscovo e cuja paternidade corresponde a investigadores russos e também americanos, a União Internacional de Química Pura e aplicada (IUPAC) aprovou também a denominação de outros dois elementos.

E os elementos são, o Tennessine, em homenagem aos institutos de investigação do Tennessee, nos Estados Unidos, com o número 117 na tabela e com o símbolo (Ts), e o Oganesson (Og), número 118, em referência ao físico nuclear russo Yuri Oganesián. Estes elementos foram descobertos por laboratórios da Rússia e dos Estados Unidos, segundo um comunicado da (IUPAC).

A tabela periódica dos elementos, também conhecida como Tabela de Mendeleyev, em homenagem ao russo Dmitri Mendeleyev, que criou a primeira versão desta tabela em 1869, reúne os elementos químicos classificados em função da sua composição e das suas propriedades.

Comment