Na Estação Espacial Internacional assistiu-se ao eclipse solar 3 vezes

0

O eclipse solar total começou a ser visível na costa oeste dos EUA por volta das 17:30.

Os astronautas que orbitam a terra na Estação Espacial Internacional, conseguiram assistir ao eclipse solar, que ocorreu esta passada Segunda-Feira, três vezes.

Foi através de uma sessão no Facebook da NASA, que o astronauta Randy Bresnik, explicou que como é que a Estação Espacial Internacional dá a volta ao planeta Terra e a cada 90 minutos eles conseguiram assistir ao acontecimento em triplicado.

“A primeira vez [o eclipse]estará longe da costa oeste. Na verdade, vamos cruzar o caminho do sol e teremos um eclipse parcial mesmo em frente à estação espacial”, assim afirmou Bresnik durante essa sessão no Facebook da agência espacial NASA.

O primeiro eclipse parcial pôde ser visto a começar às 17:33 horas (hora de Lisboa). A segunda oportunidade foi quando a estação espacial esteve a norte de Lake Huron, no Canadá, às 19:23 e a última ocorreu às 21:17, quando o laboratório espacial esteve “à saída da costa leste”, explicou Bresnik.

A NASA afirmou anteriormente que os membros da Estação Espacial Internacional não teriam um eclipse solar total, mas sim uma vista parcial. “É difícil observar um eclipse solar total de uma nave espacial tripulada, embora não impossível” afirmou a NASA.

Durante essa sessão, antes do avistamento do eclipse solar em triplicado pelos tripulantes da Estação Espacial Internacional, Bresnik sublinhou ainda que a Estação Espacial tem “câmaras especialmente equipadas que terão filtros solares que vão permitir tirar fotografias do sol”.

“Vai ser muito bonito”, acrescentou.

E assim o eclipse, ainda que parcialmente, foi visto 3 vezes pelos astronautas a bordo da Estação Espacial Internacional.

Este foi um dos acontecimentos mais aguardados pela NASA e, por isso, a Agência Espacial transmitiu em directo o fenómeno. O eclipse que atravessou 14 estados norte-americanos.

Leave A Reply