Grupo de investigação americano afirma que vacina contra a acne pode chegar brevemente

0

Foi um grupo de pesquisa, composto por investigadores americanos, que afirmou que a solução para este problema que afecta grande parte da população mundial, parece ter sido finalmente descoberta. Segundo este grupo, a solução irá estar disponível dentro de apenas alguns anos.

Esta equipa de cientistas da Universidade da Califórnia, em San Diego, nos Estados Unidos, desenvolveu agora uma vacina, que promete erradicar a acne de forma eficaz e definitiva. E segundo indicação dada pelo grupo, as gerações futuras poderão já não ter de lidar com esta condição cutânea.

Eric C. Huang, líder do projecto de pesquisa, revelou à revista Allure, que o próximo passo, mesmo antes da comercialização do produto, é testar a vacina em seres humanos. Este grupo já realizou testes em peles com acne que foram recolhidas em biopsias.

Ainda assim, os cientistas depararam-se com algumas dificuldades, eliminar a bactéria que causa o aparecimento da acne, não poderia ser a solução. A acne é causada, em parte, pela bactéria P. acnes que está nas pessoas durante a toda a vida e nós não poderíamos criar uma vacina para a bactéria porque, em algumas formas, a P. acnes é boa para as pessoas”, revelou assim Eric C. Huang, líder deste projecto de pesquisa.

Por isso, o objectivo principal desta vacina, é controlar e reduzir os sintomas da bactéria da acne na pele.

A vacina que aguardamos chegar num futuro próximo, explica o mesmo artigo, conseguirá bloquear os efeitos negativos da bactéria da acne sem a eliminar. “Descobrimos um anticorpo contra uma proteína tóxica que as bactérias P. acnes segregam na pele. A proteína está associada à inflamação que leva à acne”, explicou Eric C. Huang.

Esta nova descoberta poderá alterar a vida de milhões de pessoas e pode ainda representar um negócio mundial. Segundo a Academia Americana de Dermatologia, mais de 50 milhões de americanos sofrem de acne.

Leave A Reply