Fibra óptica de luz ‘encurvada’ poderá tornar a Internet 100 vezes mais rápida

0

Existe um novo avanço no mundo da Internet, mais precisamente na fibra óptica, que poderá permitir atingir velocidades de Internet até 100 vezes superiores às actuais.

A pesquisa foi anunciada no jornal Nature Communications, e segundo os cientistas irá permitir aumentar a velocidade das redes já existentes, aumentando a sua eficiência no processo.

O cabo de fibra óptica, utiliza luz para transmitir informação, mas até agora, apenas era possível enviar informação diferenciada pela cor do feixe de luz e a sua orientação, mas tudo isto muda ao conseguirmos encurvar a luz e a tornar numa espiral, e ao o fazerem, um grupo de cientistas da RMIT University nos Estados Unidos, consegui criar uma terceira dimensão para a luz conseguir transportar informação, o nível do momentum angular orbital, rotação.

Para melhor compreender, em termos de aspecto é bastante similar à dupla hélice que representa o ADN, e quanto mais for utilizada esta ‘torção’, mais volume de informação consegue ser armazenado e enviado. Apesar de os cabos de fibra óptica de luz encurvada já terem sido criados há algum tempo, apenas agora com esta pesquisa, foi possível criar um detector de dimensões aceitáveis para proceder à leitura da informação.

A anterior tecnologia de detector, para comparação, tinha sensivelmente o tamanho de uma mesa de jantar, enquanto que a nova tecnologia, tem sensivelmente a largura de um fio de cabelo.

Este poderá ser um ponto revolucionário para tanto ligações empresariais como residenciais, mas apenas terá efeito em zonas que tenham um sistema completo de fibra óptica, desde o fornecedor até ao cliente final, uma vez que muitas das instalações de fibra, apenas têm fibra entre o posto de transformação e o cliente, sendo a ligação do posto à central feita mediante a utilização de cabo de cobre.

O único senão, é que apesar de o novo sistema de fibra poder trabalhar em modo misto, de modo a usufruir de toda a sua eficiência seria necessário substituir as redes actuais de fibra, e eventualmente as de cobre, a fim de usufruir de toda a velocidade que este novo tipo de fibra pode oferecer.

Comment