100 Gigafábricas da Tesla poderiam alimentar o planeta diz Elon Musk

0

A Gigafábrica é a segunda maior fábrica do mundo, e a Tesla construiu-a para que esta forneça baterias de iões de lítio de baixo custo e consiga cumprir com a grande demanda do fabricante de automóveis. Num vídeo recente, o fundador e CEO da Tesla, Elon Musk disse o seguinte:

“Nós calculámos o que seria necessário para tornar o mundo inteiro independente energeticamente. Seriam precisas 100 Gigafábricas”.

Leonardo DiCaprio reuniu-se com Musk na Gigafábrica da Tesla no ano passado, para debater acerca de energias renováveis e do futuro da energia em relação às alterações climáticas. Todos nós sabemos que o Leo é um activista pelo clima, e que ele inclusivamente utilizou o seu discurso de recebimento do seu tão aguardado Óscar, para sensibilizar acerca dos graves problemas acerca das alterações climáticas e do consequente aquecimento global.

A filosofia principal por detrás da Gigafábrica da Tesla é alcançar e manter um nível de zero dependência energética, e dizem que em 2018, a fábrica do gigante da inovação irá atingir a sua capacidade máxima e produzir num único ano tantas baterias de Iões de Lítio (Li-On), como toda a humanidade produziu desde sempre. Eles querem também reduzir a mínimos o custo de produção das baterias, tornando-as mais interessantes como uma fonte alternativa de energia.

Ao entrar na fábrica, é evidente o espanto do Leo com a incrível eficiência desta.

Como Elon diz no vídeo, uma vez que o sol não brilha a todas as horas, a energia tem de ser acumulada em baterias quando este brilha, e acrescenta que se investirmos mais neste campo, poderemos inclusivamente evitar de construir centrais eléctricas.

Quando as pessoas ouvem falar de energias alternativas, tendem a ter em mente painéis solares antiquados, com pouca ou nenhuma eficiência, e com custos elevados, no entanto, há muito que essa tecnologia foi ultrapassada, e avançámos muito desde então, e vem-se tornado cada vez menos uma energia alternativa, e sim a energia principal e caminho racional a seguir.

Hoje em dia, as células solares são extremamente eficientes, e baseiam-se em princípios biológicos como os da fotossíntese e na física quântica, que aumentam grandemente as suas capacidades.

Portanto, esperamos que não só este futuro esteja próximo, como também esteja mesmo ao virar da esquina, pois cada segundo é tarde demais.

Comment